Compras em Paris: dicas para comprar bem e barato na Cidade Luz

Fazer compras em Paris realmente vale a pena? Taí uma dúvida que, vira e mexe, pinta por aqui… e é compreensível. Se você se preocupa com economia, com certeza já sabe que em países onde o Euro é a principal moeda, é preciso pesquisar mais e dar menos vazão aos impulsos consumistas. É que o câmbio tende a deixar os negócios um tanto quanto prejudicados… mas acredite: ainda assim, alguns produtos podem ter preços convidativos e vantajosos – frente aos praticados no Brasil. E é sobre eles que vamos falar neste post!

Se você quer fazer compras em Paris, mas não abre mão de economia e bons negócios, confira abaixo dicas fundamentais e uma lista de alguns produtos que costumam valer a pena de verdade por lá!

Compras em Paris © Imagina na Viagem
© Imagina na Viagem

DÉTAXE, TAX FREE, TAX REFUND – UMA ECONOMIA A MAIS…

Você já ouviu falar no détaxe? Trata-se de um programa de restituição de impostos pagos em compras na França. Com ele, é possível receber um reembolso de 12% das compras que você fez durante a viagem.

Fazer o détaxe é bastante simples, mas há algumas restrições e macetes aos quais você deve se atentar. Eu expliquei tudo sobre o détaxe – com um passo a passo completinho pra você pegar seu reembolso – no artigo: Tax Free em Paris – saiba como fazer o détaxe / tax refund.

O QUE COMPRAR EM PARIS? O QUE VALE A PENA?

Com o Euro cotado próximo a R$4,00 (Março de 2018), fazer compras em Paris parece ser um sinônimo certo de mau negócio, não é? E sim, em alguns casos não compensa mesmo fazer suas compras por lá… Isso acontece quando, após a conversão, a diferença no valor final do produto não é significativa. Nesses casos, acaba valendo mais a pena deixar para comprar no Brasil, onde a possibilidade de parcelamento pode tornar tudo mais suave.

Alguns produtos, no entanto, mesmo após a conversão podem ter preços bastante atrativos… é o caso de alguns cosméticos, vinhos, chocolates, roupas, acessórios e até mesmo eletrônicos. Quer ver?

Você sabia que o seguro médico é item OBRIGATÓRIO em todas as viagens para a Europa? Se você ainda não contratou o seu clique aqui e cote com a SegurosPromo - empresa parceira do Imagina na Viagem. Evite perrengues nas suas férias! Utilizando o cupom de desconto IMAGINANAVIAGEM5 você ainda garante 5% de desconto na contratação do serviço!

COSMÉTICOS

Vichy, La Roche, Avène, Biotherm, Caudalie, ROC, L’occitane, Bioderma, Kérastase, L’oreal Professionnel… você sabia que todas elas são marcas originalmente francesas? Pois é, e dá pra imaginar que vendidas em seu país de origem elas têm um precinho bem mais camarada do que os que estamos acostumados, não?

Com exceção da Kérastase e L’oreal Professionnel, que são marcas profissionais, todas as outras podem ser encontradas facilmente em farmácias ou até mesmo supermercados. Por isso, nunca deixe Paris sem uma visitinha despretensiosa a estes lugares. Você verá que dá pra comprar cosméticos de primeira linha economizando um bocado.

Para comprar os produtos Kérastase e L’oreal Professionnel, é preciso procurar por um salão representante. No post “Onde comprar Kérastase em Paris?” você encontra comparativos de preços (Brasil X França) e um mapa com centenas de salões onde você poderá comprar seus shampoos, condicionadores, máscaras e outros milagrinhos.

Por fim, a Sephora também é um destino certo para quem deseja renovar o estoque de cosméticos e maquiagens em Paris. Mais adiante neste post eu falo especificamente sobre as lojas da Sephora em Paris, como encontra-las e como planejar as suas compras de forma econômica!

ALIMENTOS (chocolates, vinhos, queijos…)

Compras em Paris © Imagina na Viagem
E pra que ficar só no chocolate? Os macarons também são populares em Paris e vendidos a preço baixo! © Imagina na Viagem

Quem disse que a gula é um pecado, certamente não conheceu Paris e sua gastronomia… pecado ali é resistir às tentações. E os supermercados estão lotados de muitas delas, quase sempre a preço de banana!

Vinhos ocupam gôndolas infindáveis. Espumantes, rosé, branco, tinto… tem de todos os tipos, para todos os gostos. E os preços são de cair o queixo. Para quem está acostumado a pagar pequenas fortunas por vinhos franceses no Brasil, uma visita a um supermercado em Paris pode causar aquele apertinho no peito. Um Moët & Chandon Brut Imperial, que no Brasil chega facilmente aos R$400, em um supermercado da França pode ser encontrado a 35€, por exemplo. Minha sugestão? Reserve espaço na mala e faça a festa!

O mesmo vale para os chocólatras de plantão. Marcas como Lindt, Oreo e Kinder custam pechinchas por lá, bem diferente do que estamos acostumados a ver por aqui.

Queijos também tiram muita gente do sério… Brie, Camembert, Emmental são superbaratos e sempre abastecem o nosso frigobar durante a estada na cidade. Os pequeninos “Babybel” e “La Vache qui Rit” também são uma barganha e ótimos para levar na bolsa e fazer um lanche rápido ao longo dos passeios. Se apaixonar, pode trazer na mala também… por serem industrializados, eles não são barrados pela fiscalização na chegada ao Brasil.

CELULARES E ELETRÔNICOS

Se você tem uma viagem marcada para os Estados Unidos, esqueça… comprar eletrônicos na Europa ainda é bem mais caro do que comprar eletrônicos na terra do Tio Sam. Se, por outro lado, Paris é o seu único destino pelos próximos meses e você tem vontade de atualizar o modelo do seu celular, por exemplo, esta pode ser sim uma boa oportunidade. É que embora os preços não sejam excelentes como nos Estados Unidos, eles ainda são bem melhores do que no Brasil.

Numa visita aos sites da Apple francesa e brasileira, a gente consegue fazer uma rápida comparação de preços e descobre que um iPhone X de 64GB que custa 7 mil reais no Brasil, pode ser encontrado por 1160€ em Paris. Mesmo levando em consideração a supervalorização do Euro frente ao Real, a economia no valor final ultrapassa os R$2000. Nada mal, não?

*Valores cotados em Março de 2018 e conta feita a partir do câmbio de 1€ – R$4

Já reservou seu hotel em Paris? Eu sempre opto por reservar os meus hotéis através do Booking.com. Nele fica fácil encontrar as melhores opções de hospedagem - e excelentes ofertas! Reservando seu hotel através de nossos links, você contribui com o Imagina na Viagem sem pagar nadinha a mais por isso! Acesse em: Booking.com

ROUPAS E ACESSÓRIOS

Lojas de departamento como H&M, Etam e Zara costumam fazer sucesso com peças bacanas à preços módicos. É preciso garimpar, é verdade… mas se você não se importa em gastar algumas horas da sua viagem na empreitada, ela pode render bons negócios e um guarda-roupa renovado!

Para acessórios a Parfois e a Claire’s são boas pedidas, sendo a primeira delas voltada ao público adulto e a segunda repleta de pequenezas fofas para crianças e adolescentes.

ONDE FAZER BOAS COMPRAS EM PARIS?

Se animou com as possibilidades? Pois então dá um confere na listinha abaixo… nela você encontra os melhores endereços para inserir em seu roteiro na hora de ir às compras em Paris!

Compras em Paris © Imagina na Viagem
© Imagina na Viagem

FARMÁCIAS EM PARIS

A primeira dica aqui é: se você não tem autocontrole, melhor ficar longe das farmácias de Paris. Rs… Como eu contei lá em cima, Paris é um excelente destino para quem procura por cosméticos bons a preços razoáveis. E é nas farmácias que você encontrará uma grande parte deles! Dos queridinhos de sempre, a produtinhos que você nunca ouviu falar (mas vai se apaixonar à primeira vista), as prateleiras estão sempre recheadas de bons negócios.

A Citypharma é bastante famosa pelos preços baixos, mas prepare-se para encarar um pequeno tumulto. É que como todo mundo já descobriu suas “pechinchas”, ela virou figurinha fácil nos roteiros de viagem!

A Citypharma fica no número 26 da Rue du Four. O endereço é central e certamente você passará por perto em algum momento. Ela fica bem pertinho das igrejas Saint-Germain-des Prés e Saint-Sulpice, entre o Jardim de Luxemburgo e o Rio Sena.

OUTLET EM PARIS

Quem foi que disse que outlet é coisa exclusiva de americano? O La Vallée Village fica localizado a cerca de 40 quilômetros à leste de Paris e possui mais de 100 lojas. Entre elas, estão marcas como Givenchy, Armani, Calvin Klein, Christian Lacroix, Jimmy Choo, Ralph Lauren, Dolce e Gabbana, Versace, Celine, Burberry, Valentino e muuuuitas outras. Muito bom, né?

Melhor ainda é saber que, apesar da distância, chegar ao outlet é molezinha. Numa parceria com a Paris City Vision (uma das empresas de turismo mais renomadas de Paris) o La Vallée Village oferece serviço de shuttle aos visitantes hospedados em Paris. Os micro-ônibus partem da Place des Pyramides – coladinha no Louvre – duas vezes ao dia e retornam também em dois horários.

O bilhete de ida e volta custa 25€ para adultos e 13€ para crianças de 3 a 11 anos, menores de três anos viajam gratuitamente. As viagens precisam ser reservadas antecipadamente e não é possível comprar o bilhete no ônibus. Para reservar o seu bilhete, acesse: www.pariscityvision.com

Outra opção é utilizar o transporte público. Viajando de RER você economiza uma graninha e fica livre de horários, podendo chegar e sair do outlet a hora que quiser. Por outro lado, pode perder em conforto e tranquilidade. Caso esta seja a sua escolha, anote aí: você precisará pegar o RER A com direção a Marne La Vallé e descer na estação Val d’Europe.

Por fim, se estiver de carro, o trajeto é bastante simples. Você deverá pegar a A4 em direção a Metz / Nancy / Marne La Vallée e sair na saída 12.1 (Marne-la-Vallée-Val d’Europe / Montévrain / Centro Comercial Regional). Depois, na primeira rotatória siga em direção a La Valléé Village e então, na segunda rotatória, vire à esquerda, em direção ao Parking La Valléé Village. Prontinho, em cerca de 30 minutos você completa o trajeto sem sufoco.

LOJAS DA SEPHORA EM PARIS

Originalmente francesa, a Sephora tem fortíssima presença em Paris. É daquelas lojas que você não vai ter dificuldade de encontrar… certamente existe uma delas bem próximo ao seu hotel.

Quase sempre você encontrará preços melhores do que os praticados no Brasil, mas atenção: eu disse quase! Para garantir economia, a dica fundamental é se planejar. Antes da viagem, faça uma listinha com tudo o que você deseja/precisa comprar, acesse os sites brasileiro e francês e então compare os preços.

Você também pode usar o site da Sephora da França para descobrir as lojas mais próximas de você. Acesse em: www.sephora.fr

SUPERMERCADOS EM PARIS

Assim como as farmácias, os supermercados de Paris poderiam ser palco de verdadeiras caças ao tesouro. São tantas coisas legais que a gente fica até meio desnorteado, sem saber o que ver (e colocar no carrinho!) primeiro.

Prepare-se para pirar com os preços dos vinhos, chocolates, queijos e muitas outras gostosuras… ah, e dependendo do supermercado, áreas específicas de cosméticos, acessórios e etc. também podem render boas compras!

O Monoprix tem uma rede extensa de lojas espalhadas por toda Paris. Não é o lugar mais barato para fazer compras, mas é fácil de encontrar, bastante organizado e onde você encontrará de um tudo. Vale a pena visitar uma delas. Dê preferência às maiores caso queira encontrar uma variedade maior de produtos, dos mais diversos tipos. Já as pequeninas são excelentes para quem curte preparar lanches ou mesmo um café da manhã rápido no quarto do hotel.

Se você está focado exclusivamente em economia, prefira visitar pequenos mercadinhos que estiverem em seu caminho. Os preços costumam ser imbatíveis.

Compras em Paris © Imagina na Viagem
Certeza que vai ter gente pirando com essa foto… © Imagina na Viagem

LOJAS DA APPLE EM PARIS

Como falei acima, comprar os produtos da maça por lá costuma ser um bom negócio (exceto se você tem viagem marcada também para os Estados Unidos, onde os preços são ainda melhores!), mesmo com a conversão do Euro.

Atualmente, existem três lojas oficiais da Apple em Paris, uma no Marché Saint-Germain, uma no Carrousel du Louvre e a última nos arredores da Ópera Garnier. As lojas têm horários de funcionamento diferentes, então antes de programar a sua visita, é bom dar uma olhada no site para conferir todos os detalhes.

www.apple.com/fr/retail/marchesaintgermain
www.apple.com/fr/retail/carrouseldulouvre
www.apple.com/fr/retail/opera

LOJAS DE SOUVENIR/LEMBRANCINHAS EM PARIS

Compras em Paris © Imagina na Viagem
Lembrancinhas de Paris? Fácil de achar! O que não faltam são lojas de souvenir pela cidade! Compras em Paris © Imagina na Viagem

Paris é uma das cidades mais visitadas em todo o mundo. É de se esperar que o mercado de souvenires seja aquecido, certo? Pois bem… as lojas de lembrancinhas estão espalhadas por toda a cidade, principalmente nos arredores dos principais pontos turísticos, é claro.

O Quartier Latin, principalmente a área entre o Rio Sena e a Boulevard Saint-Germain é um dos meus pontos preferidos para comprar quinquilharias. Ali, centenas de restaurantes dividem espaço com pequenas lojinhas que vendem todo tipo de bugiganga da cidade. Torre Eiffel? Tem, e de todos os tamanhos! Ímãs de geladeira, camisas, moletons, chaveiros, abridores de garrafa, globos de neve e até camisinhas… se você tem família grande e não abre mão do “estive em Paris e lembrei de você”, pode ficar tranquilo, ali é fácil encontrar presentinhos baratos para pai, mãe, irmão, tio, primo, sobrinho e até papagaio!

Outras áreas repletas de lojinhas baratas são Montmarte – nos arredores da Sacre-Coer – e Marais, principalmente nas ruelas ao redor do Pompidou.

Se estiver com tempo sobrando, vale dar uma pesquisada de preço pois pode haver diferença de uma loja pra outra. Dar aquela chorada amiga também pode render alguma economia… mas, em geral, os souvenires não são caros e não chegam a pesar no orçamento.

COMPRANDO PELA INTERNET

Uma última – e também boa – opção é fazer suas compras antecipadamente pela internet. Para isso, primeiramente é preciso entrar em contato com o seu hotel e verificar se a recepção está apta a receber encomendas em seu nome. Em caso positivo, você pode fazer as suas compras online alguns dias antes da sua viagem e fornecer o endereço do hotel para entrega.

As compras online são uma excelente pedida para quem tem um roteiro puxado e não pode ou não quer gastar tempo entrando de loja em loja. Elas podem ser feitas diretamente no site das lojas (como Apple e Sephora, por exemplo) ou através de sites como o Ebay. Nesse último caso, esteja atento à credibilidade do vendedor. Você pode e deve checar avaliações de outros compradores antes de fechar o negócio!

Leia mais:

+ Tax Free em Paris – como, onde e quando fazer o détaxe.
+ Onde comprar Kérastase em Paris?
Hop-On Hop-Off em Paris – um meio divertido de conhecer a cidade!
+ Uber em Paris – Vale a pena usar?
+ Hotel Splendid Étoile – Ou a room with THE view em Paris!

PLANEJE SUA VIAGEM E RESERVE AQUI!


Quando você faz uma reserva através de nossos links, nós ganhamos uma pequena comissão. Você não paga nada a mais por isso e ajuda o Imagina na Viagem a continuar produzindo conteúdo e trazendo dicas pra você! Então, o que tá esperando? Faça a sua reserva e nos dê uma força!


Post Anterior

Remédios para viagem: o que levar na farmacinha?

Próximo Post

10 cidades da França que você PRECISA conhecer!

22 Comentários

  1. diane
    29 de maio de 2018 at 13:33 — Responder

    Amando suas dicas, querida Marina Heimer. Te desejo todo sucesso e muitas viagens para nós. Vou dar uma olhada em todas as dicas da Europa, nosso próximo destino. Beijocas.

    • 29 de maio de 2018 at 14:59 — Responder

      Oi Diane!

      Puxa… fico muito feliz que esteja gostando!! 🙂

      Faço coro: muitas viagens para nós.
      E uma excelente passagem pela Europa para você!

      Beijos

  2. David Bremmer
    20 de julho de 2018 at 13:25 — Responder

    Marina, tudo bem?

    Caiu como uma luva as infos do seu blog. Já tinha lido o “suficiente” quando resolvi pausar aqui no trabalho rs. Tenho uma duvida, comprar pela internet tem a comodidade de “ganhar tempo” porém para nao residentes da UE, como fica o taxfree/detaxé por exemplo na Sephora nestas compras online? Tem algum conhecimento sobre… Agradeço desde já.

    • 20 de julho de 2018 at 13:59 — Responder

      Oi David! Tudo bem, e com você?

      Então… sendo bem franca, tenho pouquíssima experiência com détaxe. Todo o processo de apresentar as notas, formulários e produtos no aeroporto sempre me deu calafrios e, por isso, a gente acaba pulando essa parte (embora a economia seja um fator bastante positivo).
      O que sei te dizer é que cada loja trabalha de uma forma… em algumas lojas físicas você consegue fazer o détaxe na hora, em outras recebe um formulário para apresentar na saída da UE. Enquanto isso, algumas sequer oferecem o tax free. Nas compras online essa diversidade meio bagunçada também acontece. Na FNAC, por exemplo, você pode comprar online normalmente e basta entrar em contato com eles enviando a cópia do seu passaporte para receber um formulário de détaxe (como eles mesmos explicam aqui, ó: http://selfservice.fnac.com/). Na Sephora, especificamente, não sei te dizer como funciona.

      Penso que o ideal seria entrar em contato diretamente com as lojas nas quais você pretende comprar e ver como cada uma delas opera. 🙂

      Eu que agradeço a visita! 🙂
      Boa viagem pra você!

      • David Bremmer
        20 de julho de 2018 at 15:28 — Responder

        Obrigado pelo retorno tao breve sobre mas vou acabar indo direto na loja mesmo rsrs. Nao tive experiencias ruins com o procedimento de taxfree e na França parece ser ainda mais facil devido a tecnologia das máquinas PABLO.

        Se eu puder, gostaria de tirar mais uma dúvida: caso saiba ou tenha visto, onde vendem os secadores Parlux? Preciso dar de presente e já virei a internet e não encontrei nenhuma loja física, apenas para venda online.

        • 20 de julho de 2018 at 15:46 — Responder

          Imagina, David! 🙂

          Sim, o sistema PABLO parece ser mesmo um grande facilitador. Numa próxima, quem sabe não me animo? 😛

          Sobre os secadores, eu acho que a Darty trabalha com a marca.
          Existem várias lojas espalhadas pela cidade. Dá uma olhada em http://www.darty.com.

          Abraços!

  3. Manuela Silva
    22 de dezembro de 2018 at 19:33 — Responder

    Olá, obrigado pela vossa disponibilidade.
    Gostei muito do seu post, vou acompanhar o seu blog/site.

    Muito obrigado
    Manuela Silva

    • 25 de dezembro de 2018 at 12:25 — Responder

      Eu que agradeço pela visita e carinho, Manuela! 🙂

  4. Natalina A Silva
    20 de janeiro de 2019 at 00:02 — Responder

    Olá!
    Estou indo para Paris semana que vem e gostaria de visitar o Monte Saint Michel, Tem como ir de paris para lá de metro?

    • 20 de janeiro de 2019 at 15:04 — Responder

      Oi, Natalina! Tudo bem?

      Não dá pra ir de metrô, não… são mais de 300km de distância entre os dois pontos.
      Você pode fazer a viagem de trem e/ou ônibus. Ou, ainda, fechar um passeio com uma empresa especializada.

      Para ver sobre os trens, dê uma olhada no site da SNCF (empresa responsável pelo sistema ferroviário da França) em: sncf.com.
      Para ver sobre os ônibus, uma opção é a Flixbus (flixbus.com).
      E, para reservar um passeio até o Mont Saint-Michel, recomendo a Viator. Eles têm mais de uma opção disponível. Uma boa opção é a Viagem diurna ao Monte Saint-Michel, saindo de Paris, que dura um dia inteiro e tem companhia de guia falando português. Você consegue ver todas as outras opções disponíveis em: http://www.viator.com/.

      Boa viagem pra você e obrigada pela visita! 🙂

  5. Edivania
    28 de janeiro de 2019 at 21:12 — Responder

    Olá, Marina, tudo bem? Parabéns pelo blog, maravilhoso.
    Estou indo para Paris/Londres no mês que vem e estou com uma dúvida em relação aos tickets de ônibus. Pelas pesquisas que eu fiz, vc pode comprar 10 tickets de uma única vez (fica mais barato), né… Ai é que entra minha pergunta…. Eu posso ir para qlq lugar dentro da cidade com esses tickets?
    exemplo: Comprei os 10 tickets, peguei um ônibus que me leve para o Louvre (gastei 1 ticket), depois pego outro ônibus de volta para meu hotel, eu posso usar um dos 9 tickets que sobraram?
    Acho que minha pergunta ficou confusa, né

    • 29 de janeiro de 2019 at 12:59 — Responder

      Oi Edivania, tudo bem? 🙂

      Você fala dos ‘tickets t+’, certo? Até onde sei, sim, você pode ir para qualquer lugar dentro da Zona 1 com eles. E pode, inclusive, utiliza-los também no metrô, no RER e no funicular de Montmartre.
      Em nossas viagens, acabamos sempre optando pela praticidade e conforto dos ônibus turísticos (você pode ver detalhes no post: Hop-On Hop-Off Paris: vale a pena fazer um open tour?) e, por isso, confesso que tenho pouca experiência no assunto.

      Caso tenha outras dúvidas, penso que o lugar ideal para esclarece-las seja o site da Ratp (Régie Autonome des Transports Parisiens) – a empresa responsável pelo transporte público de Paris. 🙂
      Você pode acessar em: http://www.ratp.fr

      Boa viagem pra você! :*

  6. Anna
    28 de fevereiro de 2019 at 20:58 — Responder

    Estive em Portugal e fiz comprinhas boas, mas aqui na Espanha, tanto em Madrid, como agora em Barcelona em lojas como Primark, H&M, Kiko Milano e outras tenho tido gratas surpresinhas, mesmo com o preço do euro tenho encontrado vantagens. Minha próxima parada é a Itália e depois, finalmente Paris, onde espero encontrar vantagens com essas marcas de cosméticos.

    • 3 de março de 2019 at 13:41 — Responder

      Oi, Anna!
      Aproveite bastante a viagem e as ofertas! 🙂
      Obrigada pela visita e comentário.

  7. Nóris
    22 de março de 2019 at 19:36 — Responder

    Oí Marina, tudo bem?
    Estou indo semana que vem para Paris e queria uma dica de outlet de ótimas marcas de roupas … consigo em Paris mesmo ou em alguma cidade próxima? Eu e meu marido estamos bem dispostos a andar um pouco mais pra comprar umas roupas de inverno bem boas. Obrigada

  8. Bel
    14 de maio de 2019 at 11:51 — Responder

    Oi Marina, tudo bem?

    Olha eu amei seu post. Estou indo para Paris com o meu namorado passar um fim de semana. Vou ficar em Paris 4 dias e em um desses dias nós vamos ir na Disneyland. Você Sabe que transporte será melhor para chegar la? Sendo que vou estar perto do aeroporto de Orly? Muito obrigada.

    Beijo grande

    • 14 de maio de 2019 at 13:12 — Responder

      Oi, Bel. Tudo bem?

      Você pode fazer a viagem de RER (o RER A te deixa na porta do parque). Eu não sei exatamente onde é o seu hotel, mas muito provavelmente você precisará fazer baldeação, pegando um metrô até a estação do RER A mais próxima.

      Outras opções (mais caras, porém mais práticas e/ou confortáveis) são transfers agendados ou mesmo o Uber.
      No primeiro caso, a Viator vende algumas opções de transfers que te pegam no hotel e te levam até o parque (e vice-versa), mas você também pode checar diretamente com o seu hotel. Geralmente eles indicam algumas empresas que fazem o serviço. Já o Uber, basta pedir direto no aplicativo igualzinho a gente faz aqui no Brasil. A corrida deve ficar, aproximadamente, entre 60-80 euros num UberX. E você precisa ter um cartão internacional cadastrado na sua conta.

      Espero ter ajudado. 🙂
      Beijo e boa viagem.

  9. Brunna
    17 de maio de 2019 at 19:19 — Responder

    Obrigada!!! Ajudou demais <3

  10. DANIELLA DE LIZ
    15 de agosto de 2019 at 23:13 — Responder

    Olá, Marina!
    Excelente o conteúdo do seu blog.
    Vc pode me dizer como fica a temperatura em paris nos meses de outubro e novembro? se tem grande diferença entre um mês e outro.
    Obrigada!!!

    • 16 de agosto de 2019 at 10:44 — Responder

      Oi Daniella, tudo bem?
      Em Outubro as temperaturas costumam ficar entre 8°C e 15°C.
      Já em novembro, o comum é entre 4°C e 10°C.
      Eu que agradeço pela visita!

report this ad

Deixe registrado seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.