Compras em Miami: 5 dicas preciosas!

Que atire o primeiro cartão de crédito quem não A-DO-RA fazer compras em Miami. A cidade litorânea é, junto com Orlando, uma das mais procuradas pelos brasileiros quando o assunto é compras. E não é pra menos… os outlets e shoppings da região são recheados de opções boas e baratas. Para aproveitá-las ao máximo, confira abaixo uma lista com 5 dicas PRECIOSAS para suas compras em Miami!

 

1. ESTEJA ATENTO AOS DESCONTOS (MESMO ANTES DE EMBARCAR!).

Economia é, de longe, a principal motivação de quem planeja compras nos outlets de Miami. E, embora os preços das factory stories e outlets sejam, de cara, bastante convidativos, existem formas de reduzir ainda mais os valores finais de suas compras. E algumas delas começam antes mesmo do embarque, aqui no Brasil.

Visitar os sites dos shoppings que você planeja conhecer é uma delas. No site do Sawgrass Mills (o shopping queridinho de quem vai a Miami), por exemplo, você consegue encontrar dezenas de opções de descontos que, na correria da viagem, muitas vezes podem passar despercebidos. Se você sai daqui sabendo que a loja X está vendendo óculos com 50% de desconto, a chance de se precipitar e comprar os mesmos óculos, com um desconto menor, no free shop do aeroporto (achando que está fazendo um super negócio!) vai a zero. E as suas economias agradecem!

Outra forma bem bacana de garantir alguns descontos extras é procurar pelo Visitor Center dos outlets ou shoppings por onde você passar. Muitos destes estabelecimentos dispõe de catálogos de descontos exclusivos. Alguns deles são dados gratuitamente para qualquer visitante, outros são fornecidos sem custo apenas para clientes cadastrados (mais uma razão para acessar antecipadamente os sites!), outros custam em torno de $5 e dão descontos incríveis que em muito superam o valor gasto… qualquer que seja a política, é sempre super vantajoso ter estes catálogos em mãos.

Compras em Miami - Cupom de Desconto © Imagina na Viagem
Compras em Miami – Cupom de Desconto © Imagina na Viagem

Por fim, esteja atento às marcas que oferecem descontos e benefícios exclusivos para clientes cadastrados. Muita gente tem preguiça ou não se sente a vontade em fornecer seus dados para cadastro, mas acredite: se você busca por boas ofertas, vale a pena gastar cinco minutinhos e preencher o formulário – que muitas vezes pede apenas nome, país de residência e email.
Quase sempre, estes cadastros são oferecidos ao final de sua primeira compra e válidos apenas para compras posteriores, mas ainda assim valem a pena! Se o seu roteiro tem mais de 1 dia dedicado às compras, considere que a oferta de produtos de uma mesma marca pode variar de uma loja pra outra. É bem comum – e provável – que você encontre outros produtos em um outro shopping e faça uma nova compra daquela mesma marca – agora com desconto! – durante a sua viagem.

 

2. DEFINA PRIORIDADES E FIQUE DE OLHO NOS MAPAS!

Não subestime o tamanho dos shoppings e a oferta de lojas. Sem um mapa em mãos e um planejamento de quais lojas você deseja visitar é bem provável que você termine o seu dia com a sensação de que não viu nada do que queria. A

credite: são centenas de lojas e cada uma delas vai chamar a sua atenção por alguma razão. Entrar em cada uma delas e garimpar boas compras é humanamente impossível em apenas um dia. Defina prioridades.

Uma boa ideia é procurar por estes mapas nos sites dos shoppings e outlets e imprimi-los antes da sua viagem. Assim você consegue definir e marcar seus interesses com calma e levar um roteirinho pronto com você. Alguns estabelecimentos contam ainda com aplicativos para celular, possibilitando montar o mesmo planejamento em formato digital!
Se o tempo for curto e você não conseguir se organizar antes da viagem, uma opção é procurar pelo Visitor Center dos shoppings e outlets logo que chegar. Esses centros de apoio aos visitantes costumam disponibilizar mapas impressos com a localização e descrição de cada uma das lojas.

 

3. CELULARES (OU WALKIE TALKIES): OS MELHORES AMIGOS DOS CASAIS E GRUPOS.

Vai fazer uma viagem em casal ou em grupo? Uma forma eficiente e democrática de lidar com as companhias durante as compras em Miami é o bom e velho: cada um por si!
Imagine que você viaja em casal: você selecionou 10 lojas as quais quer visitar, seu marido (ou esposa) selecionou outras 10 lojas. Será que vocês dois precisam mesmo visitar, juntos, as 20 lojas da lista? Além de ser uma tarefa um tanto quanto difícil para um único dia de compras, você precisa concordar comigo que pode ser frustrante passar 1 hora escolhendo artigos para esportes quando, na verdade, você gostaria de estar experimentando maquiagens na Sephora. E o contrário também vale, é claro.
O mais justo, mais prático e mais eficiente nessas situações é que, chegando ao shopping ou outlet, cada um possa fazer o seu roteiro individualmente e, ao final do dia, todos estarão felizes e a realizados com suas compras, certo?

Mas e aí? Você acabou as suas compras, quer dar uma parada pro almoço ou sentiu saudade e quer dar uma olhada nas compras do mozão, e agora? Nessa hora, ter uma forma de comunicação é imprescindível.

A primeira opção é o celular. Você pode utilizar um chip local que te permitirá acessar a internet ou mesmo fazer ligações.
Neste caso, existem empresas que prestam este serviço e enviam o chip para você dias antes da sua viagem, ainda aqui no Brasil ou, se preferir, você também pode comprar seu chip lá em Miami, nas lojas de telefonia. Antigamente esta opção era um tantinho mais complicada para quem não dominava o inglês já que existem inúmeras opções de planos e se entender com os vendedores nem sempre era tarefa fácil… hoje em dia, com a enorme quantidade de brasileiros em Miami e a procura cada vez maior por este tipo de serviço, é normal que as lojas de telefonia dos shoppings mais badalados contem com, pelo menos, um vendedor brasileiro.
Eu super recomendo que, de um jeito ou de outro, você tenha conectividade no seu celular… além de facilitar a comunicação nos dias de compras, ter internet no seu celular vai otimizar a sua viagem de diversas outras maneiras!

Mas… se por qualquer razão você não quiser ativar um plano de dados ou ligações em seu celular, um plano B interessante são os rádios walkie talkies. Esses aparelhinhos “old school” são vendidos por uma pechincha em qualquer Walmart e cumprem bem a função de manter a comunicação entre os casais ou grupos que optam por fazem compras separados.

 

4. TENHA EM MÃOS UM GUIA DE TAMANHOS.

Você sabia que os tamanhos de roupas e sapatos no exterior nem sempre são similares aos do Brasil? Pois é… ter em mãos uma “colinha” com esta conversão de tamanhos é essencial, e uma dica fundamental para agilizar as suas compras e evitar equívocos. Para facilitar, o Imagina na Viagem um guia rápido que você pode imprimir e levar para suas compras em Miami e demais cidades dos Estados Unidos!

Compras em Miami - Guia de Tamanhos © Imagina na Viagem
Compras em Miami – Guia de Tamanhos © Imagina na Viagem

 

5. SEGURANÇA NUNCA É DEMAIS!

É verdade que em muitos lugares do Brasil, o índice de violência e o número de roubos e furtos é altíssimo. Por estarmos (infelizmente) acostumados a esta realidade, é comum que ao viajarmos sintamos uma grande sensação de segurança. Acontece é que, na prática, nem sempre ela condiz com a realidade.

É óbvio que passear por Miami é muito mais seguro do que passear por uma capital brasileira, por exemplo. Mas isso não significa que você estará 100% seguro por lá. Acredite: gente “esperta” existe em todos os lugares e, se você der bobeira, estando aqui ou lá, pode acabar com um belo prejuízo.

Um exemplo? Não são poucos os casos de carros arrombados em estacionamentos de shoppings. Acontece assim: você está no meio das compras, cheio de sacolas pesadas e sem previsão de ir embora… parece uma boa ideia guardar tudo no carro para continuar as compras mais à vontade, certo? Pois bem, muita gente pensa assim. E é exatamente nessa hora que a turma dos espertinhos se dá bem. O que poderia ser melhor do que um carro vazio com um porta-malas recheado?
Para se precaver de situações como esta, muita gente opta por levar malas de rodinhas às compras. É prático e seguro, uma vez que você pode guardar todas as suas compras ali e deixar para colocá-las no carro somente na hora de ir embora. E, se essa é a sua primeira vez fazendo compras nos Estados Unidos, talvez pareça um bocadinho estranho e fora de moda andar com uma mala no shopping, mas acredite: é mais comum do que você imagina!
Uma outra opção é dar uma volta no estacionamento e trocar de vaga a cada vez que você for deixar as compras no carro. Assim você confunde qualquer espertinho que possa estar de olho nas suas compras.


Alugar um carro é fundamental para fazer compras em Miami e conhecer o melhor da cidade! Você pode reservar o carro, antes de sair do Brasil, com a Miles Car Rental.


No mais: esteja atento também quando for aos provadores. É comum que a gente se distraia experimentando as roupas e existem vários relatos de furtos realizados nesta ocasião.

Mais uma vez, vale dizer: é claro que passear por lá é sim muito mais seguro do que passear por aqui e que a chance de acontecer algo deste tipo não é alta… não precisa entrar na paranóia, mas o mínimo de atenção sempre bem-vinda e não custa nada ficar ligado. Como dizem por aí: o seguro morreu de velho!

 

 

 

 

*O artigo “Compras em Miami: 5 dicas preciosas!” contou com apoio de uma empresa que acredita no Imagina na Viagem.

 

Post anterior

Hotel em Avignon - Provence: Conheça o Hotel d'Europe

Próximo Post

Museu da Lavanda - Provence: tudo sobre a visita!

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *