Hotel Le Mas de Guilles – Um refúgio bucólico no coração do Luberon.

Se você planeja conhecer o Parque Natural Regional do Luberon, a melhor opção é fixar base em alguns dos excelentes hotéis que existem na região. Lourmarin, um vilarejo classificado entre os mais belos de toda a França, possui boas opções de hospedagem. Foi lá que descobrimos os encantos bucólicos do Le Mas de Guilles. Confira no relato abaixo como foi a nossa experiência neste três estrelas charmoso cujo contato direto com a natureza é o grande ponto alto!

Le Mas de Guilles - Lourmarin © Imagina na Viagem

 

Um hotel pousada, categorizado como 3 estrelas, localizado a pouquíssimos quilômetros da vila de Lourmarin e rodeado de natureza. O Le Mas de Guilles pode ser uma boa opção se você busca por alguns momentos de contemplação e tranquilidade em meio a sua viagem pela Provence.

Le Mas de Guilles - Lourmarin © Imagina na Viagem

Originalmente uma quinta provençal do século XVII, Le Mas de Guilles é resultado da administração de Patrick Lherm – chef de cozinha, responsável pelo restaurante gastronômico do hotel – e sua esposa, Michèle. O clima por ali é intimista – resultado dos poucos quartos disponíveis na propriedade e da “pegada” familiar do negócio – e bucólico. Os jardins são como recantos de paz e convidam a passar alguns minutos (ou horas, caso você as tenha) simplesmente curtindo a atmosfera do Luberon. Uma delícia.

Le Mas de Guilles conta ainda com uma boa infraestrutura para seus hóspedes. Além de estacionamento privativo – e gratuito –, o hotel possui quadra de tênis e uma grande piscina rodeada por espreguiçadeiras convidativas que, durante o quente verão provençal, certamente são uma boa pedida!

Estivemos no Le Mas de Guilles a convite do escritório de turismo local – que nos apoiou com todo o carinho e cuidado ao longo de nossa passagem pela região. E, como faço com todos os hotéis que visito, pesquisei sobre a propriedade antes de nossa chegada. As fotos que encontrei eram lindas – e depois descobri serem totalmente fiéis a realidade! -, os relatos sobre o restaurante eram excelentes… e me encantou saber que tudo aquilo era familiar. Sou do tipo que prezo muito pelo acolhimento e bom atendimento (como sempre faço questão de dizer em meus relatos, inclusive) e algumas de minhas melhores experiências – em termos de acolhimento – foram em estabelecimentos familiares. Devo confessar que criei, de cara, altas expectativas.


Procurando um bom hotel para curtir seus dias na Provence? Acesse o Booking!
No Booking você encontra boas opções e excelentes ofertas!
Reservando por nossos links, você colabora com o Imagina na Viagem sem pagar nada a mais por isso!
Reserve em: Booking.com


E muitas delas foram atendidas logo que chegamos ao Le Mas de Guilles. O hotel fica no final de uma estradinha de terra – nada incomum no Luberon -, mas o acesso é fácil e a chegada é inspiradora para quem espera estar perto da natureza. Logo ao adentrar a propriedade, mais boas surpresas… o local é agradabilíssimo, um verdadeiro recanto de paz. Ar puro, muito verde e silêncio. Exatamente do jeitinho que a gente imaginou vendo as fotos.

 

 

O atendimento, no entanto, deixou um pouquinho a desejar. E confesso que talvez a culpa seja minha… lembram quando falei das altas expectativas? Pois é. Na recepção, uma jovem – bastante simpática, é preciso dizer – parecia ser a única funcionária por ali e foi preciso aguardar durante um bom tempo para que pudéssemos enfim fazer nosso check-in. Então era hora de conhecer nosso quarto. Acompanhados da mesma jovem – que deixou a recepção sozinha para levar-nos ao nosso quarto – cruzamos a belíssima área do hotel até chegarmos a escada que dá acesso às acomodações. A escada não é grande (como é possível ver na foto abaixo), mas torna-se um desafio quando se tem duas malas equipadas para 20 dias de viagem e ninguém com força suficiente para ajudar-nos na tarefa. A mocinha, óbvio, até tentou ajudar como pôde, levando para cima uma de nossas malas de mão, enquanto as mais pesadas ficaram sob responsabilidade do marido e o resto das coisas comigo. Mais que isso não houve. Ainda sem fôlego, deixamos nossas malas e partimos para conhecer Lourmarin e encontrar um lugar para jantar, uma vez que fomos avisados – já no check-in – que o restaurante do hotel não poderia nos receber pois estava com reservas esgotadas.

 

Le Mas de Guilles - Lourmarin © Imagina na Viagem

 

Apenas no retorno pude apreciar com mais calma (e agora com fôlego recuperado) nosso quarto. A acomodação era confortável e aconchegante. No banheiro, chuveiro e banheira (bastante grande, por sinal) eram separados. A cama era confortável e a varanda, com vista para os campos verdes – foi realmente um ponto muito positivo. Nosso quarto era climatizado, mas nem todos os quartos do hotel possuem ar condicionado. Esteja atento caso sua estada aconteça durante o verão e não menospreze o calor da Provence. Em nosso caso, a noite por ali, é preciso dizer, foi uma das melhores da viagem. Cercados por uma natureza intocada, a alguns quilômetros da cidade, o silêncio e a escuridão foram as melhores companhias e no dia seguinte estávamos com as energias inteiramente renovadas. Ao acordarmos, fizemos um passeio superagradável pelo hotel, tomamos um excelente café da manhã – servido no restaurante do hotel – e quando era hora de partir, mais uma vez foi necessário lidar sozinhos com as malas.

Le Mas de Guilles - Lourmarin © Imagina na Viagem

 


Você sabia que um seguro médico é item OBRIGATÓRIO em todas as viagens para a Europa?
Se você ainda não contratou o seu, cote com a SegurosPromo – empresa parceira do Imagina na Viagem – e evite perrengues nas suas férias!


 

Em resumo, o que posso dizer é: a ambiência do hotel é excelente, a localização – no coração do Luberon – é ótima para quem pretende explorar a região e melhor ainda por estar tão próxima a vila de Lourmarin, um dos vilarejos mais belos de toda a França. Nosso quarto nos atendeu bem, nossa noite foi ótima. Mas, na minha opinião, o serviço pode sim ser melhor. E talvez você diga: ah, mas era um três estrelas! É verdade, e talvez você até tenha razão. Mas quando a gente encontra uma propriedade tão absolutamente incrível e cheia de adjetivos como o Le Mas de Guilles, é razoável e natural desejar que seu serviço seja tão excelente quando o hotel que o abriga. O hóspede merece mais atenção, mas – e acima de tudo – o hotel merece um cuidado à altura de sua beleza. Meu conselho, depois de tudo isso, é que se você estiver programando alguns dias pelo Parque Natural Regional do Luberon – mais precisamente pela região de Lourmarin – e deseje alguns dias revigorantes de contato com a natureza, considere o Le Mas de Guilles. Esteja ciente de que não encontrará uma recepção 5 estrelas, e que talvez seja necessário carregar uma ou duas malas até o seu quarto… e, se estiver disposto a passar por cima desses – pequenos? – detalhes, tenho certeza de que sairá de lá como eu: apaixonado pela propriedade e toda a natureza que faz dela tão especial.

 

 

SERVIÇO

Hotel Restaurante Le Mas de Guilles
Route des Vaugines
84160 Lourmarin
Tel: +33 490683055
Fax: +33 490683741

E-mail: hotel@guilles.com

Site: http://www.guilles.com

* O Imagina na Viagem esteve nos vilarejos do Luberon com apoio dos órgãos regionais de turismo (Tourisme Paca / Provence Guide / Luberon Coeur de Provence) e da Atout France – Agência Nacional de Desenvolvimento Turístico da França. Prezando a credibilidade deste veículo, todos os artigos publicados no Imagina na Viagem descrevem com fidelidade as opiniões pessoais da editora e não são passíveis de qualquer acréscimo e/ou alteração de valor ou conteúdo por parte de terceiros.

Post anterior

Keukenhof 2018 – Planejando a sua visita!

Próximo Post

Este é o post mais recente.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *