I Amsterdam City Card: saiba o que é e por que vale a pena comprar.

I Amsterdam City Card vale a pena? Conheça as vantagens do passe que permite entrada gratuita nas atrações de Amsterdam. Como usar, onde comprar e preços.

Eu quase posso me lembrar da emoção que senti quando comecei a planejar uma viagem para a Europa pela primeira vez. A busca por uma passagem em conta, a pesquisa por um hotel confortável – que não cobrasse um rim pela hospedagem. Inexperiente, cheia de dúvidas e com um budget limitado, cada etapa era uma conquista. E quando tudo parecia estruturado e as grandes despesas já pesavam na fatura do cartão… hora de preencher o roteiro. Trabalho fácil, né? A conta bancária chegou a suspirar aliviada. Tolinha. Mal sabia ela – e eu – que museus, monumentos, passeios, atividades e afins (veja bem, em euros!) comeriam uma boa parte do orçamento que havíamos estabelecido.

Naquela época, viajante de primeira viagem (existe frase mais literal que esta?), eu não sabia que havia formas eficientes para economizar nas despesas com atrações. Uma delas: os passes de descontos, museum cards ou city cards. Este post é sobre um deles: o I Amsterdam City Card, um cartão que é uma verdadeira mão na roda para quem deseja conhecer os principais pontos turísticos de Amsterdam sem gastar rios de Euros para isso. Se você está planejando sua viagem para Amsterdam, confira abaixo todos os detalhes sobre o I Amsterdam City Card e descubra por que você deveria compra-lo.


Procurando por um hotel com excelente localização e bom custo-benefício em Amsterdam? Leia nossa resenha sobre o The Albus! 


 

O QUE É O I AMSTERDAM CITY CARD?

Um cartãozinho vermelho que lhe permite visitar inúmeras atrações gratuitamente, lhe garante descontos consideráveis em várias outras, ofertas bacanas em restaurantes e, ainda, acesso gratuito e ilimitado ao transporte público de Amsterdam – este é o I Amsterdam City Card.

Vendido diretamente pelo escritório de turismo oficial de Amsterdam, o passe tem por objetivo fomentar o turismo local. Como consequência imediata, acabou tornando-se um bom amigo para os viajantes que desejam conhecer um grande número de atrações sem abrir mão da economia. Porque vamos combinar, né? Esbanjar em Euros causa sempre um apertinho no peito… Rs!

A ideia é simples: você paga uma única vez pelo cartão e durante um determinado período (que pode ser de 1 a 4 dias, a depender da sua escolha e necessidade) pode usufruir de todo e qualquer benefício aos quais ele dá direito… e a lista é grande, viu?

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

 

O QUE ESTÁ INCLUSO NO I AMSTERDAM CITY CARD

Se você está planejando uma viagem para Amsterdam, talvez tenha se impressionado com a quantidade de atrações e coisas bacanas que a cidade tem a oferecer. Embora, à primeira vista, possa parecer pequena – em comparação com outras capitais europeias – Amsterdam é gigantesca no que diz respeito à cultura e entretenimento.

Pense em um lugar que tem de tudo… você pode começar o dia no Museu Van Gogh, apreciando a arte de um dos mais renomados pintores de todo o mundo. À tarde, pode curtir um delicioso passeio de barco pelos canais, enquanto observa as construções que o margeiam – tão singulares, com suas cores e linhas quase nunca retas! Rs… Você pode também dedicar-se a entender mais à fundo a tão polêmica história da prostituição, no Red Light Secrets. Pode também testar o coração com um verdadeiro show de terror do The Amstedam Dungeon. Talvez você fique animado em tirar algumas fotos ao lado das maiores celebridades mundiais (desde que  não se importe por elas serem de cera) no Madame Tussauds. Ou, ainda, queira passar parte do dia aprendendo sobre o processo de fabricação de uma das cervejas mais populares do mundo, no Heineken Experience.

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

Tudo isso  é possível em Amsterdam, e a melhor parte: todas estas atrações (e muuitas outras) podem ser acessadas gratuitamente ou com bons descontos quando você possui um I Amsterdam City Card.

Confira abaixo alguns dos principais benefícios inclusos no passe.

 

ALGUMAS ATRAÇÕES COM ENTRADA GRATUITA…

– Canal Cruise (passeio de barco pelos canais de Amsterdam)
Quanto você deixa de gastar: €17,00

– Oude Kerk (a mais antiga igreja da cidade)
Quanto você deixa de gastar: €7,50

– Nieuwe Kerk (construída no século XV, esta igreja é, junto com a Oude Kerk, um dos monumentos religiosos mais importantes da cidade)
Quanto você deixa de gastar: €16,00

– Van Gogh Museum (museu dedicado à arte de um dos mais famosos pintores holandeses)
Quanto você deixa de gastar: €17,00

– Museum Het Rembrandthuis (museu dedicado às obras e vida de Rembrantd, localizado em sua antiga residência)
Quanto você deixa de gastar: €13,00

– Het Grachtenhuis – (museu sobre os canais de Amsterdam – uma verdadeira obra-prima do urbanismo e engenharia mundial)
Quanto você deixa de gastar: €12,00

– Amsterdam Tulip Museum (museu da tulipa, a flor mais emblemática da Holanda)
Quanto você deixa de gastar: €5,00

– Houseboat Museum (aprenda mais sobre as tão singulares casa-barcos de Amsterdam)
Quanto você deixa de gastar: €4,50

– Amsterdam Diamond Museum (uma exposição dedicada aos diamantes)
Quanto você deixa de gastar: €10,00

– Amsterdam Arena (um tour pelo estádio do Ajax)
Quanto você deixa de gastar: €16,00

– Hermitage Amsterdam (filial do aclamado museu Hermitage de São Petersburgo, na Rússia)
Quanto você deixa de gastar: €17,50

– NEMO Science Museum (museu de ciência e tecnologia)
Quanto você deixa de gastar: €16,50

– Jewish Cultural Quartier (em livre tradução: quarteirão cultural judaico. Ali estão o museu de história judaica, a sinagoga e o memorial e museu do holocausto)
Quanto você deixa de gastar: €15,00

– Amsterdam Museum (como o nome sugere, um museu inteirinho dedicado à capital holandesa)
Quanto você deixa de gastar: €12,50

– Tassenmuseum Hendrikje (bolsas, malas, carteiras e afins são o tema desse museu que deixa as mulheres suspirando! Rs…)
Quanto você deixa de gastar: €12,50

– Cobra Museum (museu de arte moderna)
Quanto você deixa de gastar: €12,00

– Hortus Botanicus (jardim botânico)
Quanto você deixa de gastar: €9,00

– ARTIS Amsterdam Royal Zoo (Jardim Zoológico de Amsterdam)
Quanto você deixa de gastar: €21,50

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

ALGUMAS ATRAÇÕES COM DESCONTO…

Rijksmuseum (um dos museus mais renomados do mundo, dedicado à arte e história)
Desconto: redução de €2,50 no valor do ingresso.

– Amsterdam Dungeon (uma espécie de teatro / “museu vivo” de terror)
Desconto: 25% de desconto no ingresso.

– Amsterdam Icebar XtraCold (bar de gelo)
Desconto: 25% de desconto no ingresso, incluindo 3 drinks.

– Heineken Experience (tour pela cervejaria Heineken)
Desconto: 25% de desconto no ingresso.

– Madame Tussauds (museu de cera)
Desconto: 25% de desconto no ingresso.

– Red Light Secrets (museu sobre a prostituição e o Red Light Discritc)
Desconto: 25% de desconto no ingresso.

 

TRANSPORTE PÚBLICO

O I Amsterdam City Card também garante acesso gratuito e ilimitado à malha de transportes públicos da cidade. Estão incluídos aí os trains, ônibus e metrô.

Isso significa que, durante todo o período de validade de seu I Amsterdam City Card, você poderá utilizar qualquer um destes transportes, quantas vezes quiser.

A economia, neste caso, é de €7,50 por dia de uso.

 

OUTROS BENEFÍCIOS

Além de incluir benefícios em atrações e transportes públicos, o I Amsterdam City Card também oferece boas ofertas em experiências (como passeios guiados, alugueis de bicicletas, pedalinhos e barcos privativos) e restaurantes.

O passe ainda vem com um mapa de bolso super detalhado da cidade. Nem preciso contar que ele virou meu melhor amigo durante nossos dias por lá, né?

 

VIAJANDO COM CRIANÇAS?

Fique atento: vários museus contam com entradas gratuitas ou descontos especiais para a criançada, por esta razão, o I Amsterdam City Card não é conveniente para crianças menores de 10 anos.

Se o seu pimpolho tiver 10 anos ou mais, aí sim os descontos podem ser significativos.

 

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

COMO USAR O I AMSTERDAM CITY CARD

Usar o I Amsterdam City Card é super easy.

Em primeiro lugar é preciso entender que, embora fisicamente ele seja apenas um único cartão, na prática ele funciona como se fossem dois. É que o passe que dá acesso às atrações funciona de forma independente do passe que dá acesso ao transporte público.

Te explico: em tese, é como se o cartão tivesse dois chips dentro dele: um para atrações e o outro para o transporte. Esses chips são ativados (e o período de uso do cartão começa a contar) automaticamente quando você os utiliza pela primeira vez. E a ativação de um é totalmente independente da ativação do outro.

Mas, na prática, como isso funciona?

Funciona assim: digamos que você tenha comprado um I Amsterdam City Card de 48h. Você chegou em Amsterdam em uma Segunda-feira e, à tarde, utilizou seu cartão pela primeira vez visitando o Rijksmuseum. Desse modo, você poderia visitar qualquer outra atração inclusa até a tarde da Quarta-feira seguinte, quando completariam as 48h de sua ativação.

Acontece que você não precisou usar o transporte público na Segunda-feira. Apenas na Terça, pela manhã, passou seu I Amsterdam City Card no leitor de um train pela primeira vez. Neste caso, seu passe de transportes estará válido até a Quinta-feira pela manhã.

Repare, um mesmo cartão pode ser válido para atrações de Segunda e Quarta e para transportes de Terça e Quinta. Tudo vai depender de quando você utilizará o cartão – para cada uma das funções – pela primeira vez.

COMO ACESSAR MUSEUS E ATRAÇÕES

Para ter acesso aos museus, atrações ou obter descontos em atividades e experiências, basta apresentar o seu I Amsterdam City Card na bilheteria.

Fique atento 1: Cada gratuidade ou desconto é válido apenas para uma única utilização. Eu sei que às vezes a gente se apaixona por alguns lugares e tem vontade de voltar, mas neste caso só se for pagando o ingresso em sua totalidade, ok? Rs…

Fique atento 2: em alguns museus, pode ser necessário pagar uma taxa extra caso queira acessar exposições especiais e/ou temporárias. O mesmo vale para tours especiais de barco (como os que acontecem durante o Amsterdam Light Festival – de Novembro a Janeiro).

COMO ACESSAR O TRANSPORTE PÚBLICO

Utilizar o transporte público também é muito fácil. Basta entrar no ônibus, train ou metrô e aproximar o seu I Amsterdam City Card do leitor de passes. Nos ônibus e trains, este leitor fica próximo ao condutor. Você ouvirá um bip e verá uma luz verde. Seu check-in foi feito.

Ao final da viagem, basta repetir o processo no leitor próximo à saída do veículo e então você terá feito o check-out.

 

UTILIZANDO O I AMSTERDAM CITY CARD EM RESTAURANTES

Como já contei acima, comprando o I Amsterdam City Card, você também terá direito a alguns descontos em restaurantes selecionados. Para isso, é necessário apresentar seu cartão antes de fazer o pedido.

São mais de 30 estabelecimentos participantes… dentre eles, o Rancho, uma rede de restaurantes especializada na culinária argentina. Pode parecer estranho para quem nunca visitou Amsterdam, mas chegando por lá você verá que os restaurantes argentinos são uma verdadeira sensação na cidade e, como é de se esperar, as carnes são realmente maravilhosas. O Rancho, especificamente, é um restaurante que adorei conhecer por lá. A rede conta com filias em pontos diferentes da cidade e vale procurar pelo mais próximo.

 

 

QUANTO CUSTA O I AMSTERDAM CITY CARD

Existem quatro tipos de I Amsterdam City Card e a única diferença entre eles diz respeito ao período de utilização. Os cartões disponíveis são válidos por 24, 48, 72 ou 96 horas, sempre consecutivas. Em Junho de 2017, os valores eram:

  • I Amsterdam City Card 24 horas = €57
  • I Amsterdam City Card 48 horas = €67
  • I Amsterdam City Card 72 horas = €77
  • I Amsterdam City Card 96 horas = €87

Para conferir os valores atualizados e descobrir promoções (elas são frequentes para compras online), acesse o site oficial do turismo de Amsterdam em: www.iamsterdam.com (em inglês).

 

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

ONDE COMPRAR O I AMSTERDAM CITY CARD

Você pode comprar o seu passe em pontos de vendas espalhados pela cidade e aeroporto, bem como pela internet. Esta última opção, conta com descontos frequentes e, por isso, pode valer a pena.

Comprando pela internet, você deverá escolher como deseja receber seu I Amsterdam City Card. Existem duas opções: você pode optar por receber o seu passe, em casa, ainda aqui no Brasil (é necessário pagar frete e o prazo máximo de entrega é de 6 dias úteis) ou por busca-lo em pontos determinados da cidade (um deles, no aeroporto. Mais prático impossível).

 

EM AMSTERDAM

  • I Amsterdam Store (dentro da Central Station)
  • I Amsterdam Visitor Centre (Stationplein)
  • Museumshop – Museumplein
  • GVB Tickets e Info (Bijlmer Arena Station, Lelylaan Station ou Zuid Station)
  • Nationale Opera e Ballet – Waterlooplein
  • Canal Shop (espalhadas em vários pontos da cidade)
  • Museus, hotéis…

 

NO AEROPORTO SCHIPHOL

  • I Amsterdam Visitor Centre (desembarque 2)
  • Connexxion Help Desk (desembarque 4)

 

PELA INTERNET

Online em: www.iamsterdam.com/citycard

 

Acesse a lista completa de pontos de venda em: https://www.iamsterdam.com/en/i-am/i-amsterdam-city-card/how-does-it-work/sales-locations

Amsterdam - I Amsterdam City Card © Imagina na Viagem

 

VALE A PENA COMPRAR O I AMSTERDAM CITY CARD? 

Depois de tudo isso, é meio que chover no molhado dizer que, na nossa opinião e baseados em nossa experiência, vale super a pena comprar o I Amsterdam City Card, né?

Em primeiro lugar, pesa a praticidade. Ter, em um único cartão, a entrada para várias atrações e um passe de transportes foi um ponto bastante favorável para nós. Mas o grande destaque fica mesmo para a questão econômica. Pode-se economizar uma boa quantidade de euros quando se escolhe comprar o I Amsterdam City Card. Quer ver um exemplo?

Pensemos em uma sugestão de atrações para um roteiro rápido, de 3 dias, por Amsterdam:

Dia 1 – Van Gogh Museum, Heineken Experience e passeio de barco pelos canais.
Dia 2 – Rembrandthuis, Hermitage Amsterdam e Madame Tussauds
Dia 3 – Oude Kerk, Nieuwe Kerk, Het Grachtenhuis e Red Light Secrets.

Nesta simulação, caso comprasse os tickets separadamente você gastaria cerca de €150 apenas pelas entradas das atrações. Se precisasse utilizar transporte público durante estes três dias, este valor ficaria ainda mais alto, na casa dos €170.

Optando por comprar o I Amsterdam City Card, o custo total pela mesma programação seria de: €111,50. Sendo:
€77 pelo passe de três dias
€12 pela entrada do Heineken Experience (já com desconto).
€7,50 pela entrada do Red Light Secrets (já com desconto).
€15 pela entrada do Madame Tussauds (já com desconto).

Em resumo, o que posso dizer é que, na minha experiência o I Amsterdam City Card foi um bom negócio. Mas é claro que isso pode variar de caso pra caso… Se você viaja num estilo slow travel e a sua onda é passear pela cidade e conhecer poucas atrações, talvez o passe não seja tão vantajoso.

Minha sugestão é que você faça um rascunho do seu cronograma em Amsterdam, listando todas as atrações que gostaria de visitar. Dessa forma, fica fácil colocar as despesas na ponta do lápis e descobrir o que é mais econômico para você.

De uma forma ou de outra, economizando algumas dezenas de euros ou não, há uma única coisa eu posso garantir: você certamente sairá de Amsterdam muito mais rico do que chegou.

Post anterior

The Albus Hotel: uma grata surpresa em Amsterdam!

Próximo Post

Sofitel Legend The Grand - Um 5 estrelas dos sonhos em Amsterdam!

1 comentários

  1. Ricardo
    29 de outubro de 2017 at 01:25 — Responder

    Muito boas as dicas. Valeu Marina!

    • 29 de outubro de 2017 at 14:10 — Responder

      Obrigada, Ricardo!
      Fico feliz por saber que gostou. 🙂

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *